Decreto de armas em perigo: bancada esquerdista tenta desarmar a população brasileira

Decreto de armas em perigo: bancada esquerdista tenta desarmar a população brasileira

Comprar G25 -

O decreto que estabelece regras e procedimentos para a aquisição, o cadastro, a posse, o porte e a comercialização de armas de fogo e de munição, será debatido em uma audiência pública promovida pelos parlamentares da Comissão de Segurança Pública e Combate ao Crime, nesta quinta-feira (13/6), na Câmara.

Quero comprar uma arma -

A audiência, que conta com a participação do assessor do Instituto Sou da Paz, Felippe Angeli, foi solicitada pelo deputado Capitão Alberto Neto (PRB-AM).

Estratégia desarmamentista

Comprar Espingarda -

Três deputados petistas, João Daniel (SE), Paulo Pimenta (RS) e Nilto Tatto (SP), apresentaram um projeto para sustar o Decreto nº 9.785, de 7 de maio, que flexibiliza a posse e o porte de armas.

Comprar Arma Usada -

Segundo o trio, o conteúdo do decreto foi publicado em descompasso com os desejos da sociedade brasileira e sem qualquer amparo numa política pública de segurança minimamente séria ou, ainda, pautada em dados técnicos e científicos que embasem a necessidade da ampliação que está sendo feita através desse ato administrativo normativo.

Comprar armas de fogo -

Em 2005, foi realizado um referendo com o título: “O comércio de armas de fogo e munição deve ser proibido no Brasil?”

Como comprar uma arma ilegal -

O povo brasileiro pôde escolher entre o “sim” e o “não”. A maioria escolheu “não” (63,94%), enquanto 33.333.045 votaram pelo “sim” (36,06%).

Comprar arma no Paraguay -

Sobre os dados, o Brasil teve 59.103 vítimas assassinadas no ano de 2017, uma a cada 9 minutos, em média. O levantamento foi realizado pelo G1 com base nos dados oficiais dos 26 estados e do Distrito Federal.

Os integrantes da Comissão de Segurança

Como comprar uma arma ilegal -

Marcelo Freixo (PSOL-RJ), titular, e Áurea Carolina (PSOL-MG), suplente da comissão, com mais 8 deputados do partido, também apresentaram um projeto para derrubar o decreto de armas.

Comprar Espingarda -

Segundo os deputados, a flexibilização tenderá a agravar ainda mais o quadro de violência que assola o país. Além disso, o Decreto nº 9.785 usurpou competência do Congresso Nacional para legislar sobre material bélico, como já decidiu o Supremo Tribunal Federal nas ADI nº 3112 e nº 5076, mesmo tema em julgamento na ADI nº 5359.

Revogação do Estatuto do Desarmamento

Comprar G25 -

Em 2017, vinte e sete senadores (1/3 do Senado) apresentaram um projeto para convocar um plebiscito sobre a revogação do Estatuto do Desarmamento. O objetivo era substituir por uma nova lei que assegurasse o porte de armas de fogo a quaisquer cidadãos. Para evitar os custos, o projeto PDS 175/2017 previa a realização do plebiscito no mesmo dia das eleições de 2018. O eleitor responderia “sim” ou “não”.

Leia um trecho do texto:
Como comprar sua arma -

“As pessoas não podem ficar refém do crime. Não podem se trancafiar cada vez mais, enquanto os criminosos andam e cometem crime em plena luz do dia. […]

Comprar arma pela internet -

Observamos, assim, que após mais de dez anos da promulgação do Estatuto do Desarmamento, não se apresentam quaisquer dados objetivos que apontem no sentido da redução dos índices de violência: pelo contrário, desde a entrada em vigor daquela Lei, o número total de homicídios no Brasil apresentou um aumento de 20%, atingindo a preocupante marca de 60 mil assassinatos por ano.

Comprar arma sem registro -

Um bom exemplo é a cidade de Chicago, que havia aprovado uma das mais rígidas leis de controle de armas dos EUA. O que houve com a criminalidade? A taxa de homicídios foi 17% maior em 2012 em relação a 2011, e Chicago passou a ser considerada a ‘mais mortífera dentre as cidades globais’.”

Imagem: Roosewelt Pinheiro/ABr
Como comprar uma arma de fogo legalmente -

 



Saiba o PASSO A PASSO exato para Posse de Arma de Fogo sem pagar despachantes,
sem advogados, sem curso de tiro e sem taxas adicionais

Confira!


-

Share this post


1
Estou no site Armas Online e preciso de sua ajuda.
Powered by